A QUESTÃO DA IDENTIDADE PROFISSIONAL DO ASSISTENTE SOCIAL: CONSTITUIÇÃO HISTÓRICA E A DETERMINAÇÃO DO MERCADO DE TRABALHO

MARINA MACIEL ABREU, JOSEFA BATISTA LOPES

Resumo


Resumo: Aborda-se a questão da identidade profissional do assistente social no Brasil nas transformações contemporâneas, considera a determinação do mercado de trabalho e, como elementos constitutivos, a cultura e a consciência profissional.. Desdobra-se em dois aspectos: a constituição histórica e a determinação do mercado de trabalho; e, a identidade profissional na tensão entre a cultura profissional da assistência e do direito e a constituição da cultura profissional crítica orientada pela necessidade histórica da emancipação humana. Conclui-se com os desafios atuais frente às metamorfoses do mercado de trabalho centrado na assistência e o avanço do conservadorismo na sociedade e na profissão.

Palavras-chave: Serviço Social, Identidade Profissional, Mercado de Trabalho, Cultura, Consciência.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.