A FORMAÇÃO DAS FAVELAS NA CIDADE DO RIO DE JANEIRO: UMA ANÁLISE BASEADA NA SEGREGAÇÃO POPULACIONAL E EXCLUSÃO SOCIAL

BRUNA BRUM DE TOLEDO

Resumo


Resumo: O presente artigo se propõe a analisar a formação das favelas no Rio de Janeiro relacionando seu surgimento à pobreza, com a consequente criminalização do pobre, que vai para além do estigma de favelado. Parte-se do processo histórico de surgimento e manutenção da favela, pautada na segregação social, na relação com a pobreza e com a exclusão social. Trata-se de uma análise permeada pelo enfoque territorial e social que permite entender de que forma a segregação populacional influenciou no crescimento das favelas e como isto se reflete na dinâmica societária.

Palavras-chave: Favela; Pobreza; Exclusão; Segregação.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.