A QUESTÃO ÉTNICO-RACIAL NA EDUCAÇÃO BÁSICA: A ESCOLA NO PROCESSO DE “AUTOIDENTIFICAÇÃO RACIAL” DAS CRIANÇAS E ADOLESCENTES

JHENNIFER CRISTINE DA SILVEIRA, ANDRÉA MÁRCIA S. LOHMEYER FUCH

Resumo


Resumo: As crianças e adolescentes têm direito de serem reconhecidos em suas identidades como grupo étnico-racial, sendo a escola fundamental nessa temática. O artigo apresenta resultados da pesquisa sobre a percepção dos estudantes da educação básica quanto à sua autoidentificação racial e a contribuição da escola nesse processo. A pesquisa foi em uma escola pública estadual de Florianópolis, com entrevistas semiestruturadas e oficina pedagógica, além da análise documental. Os resultados sugerem que a maioria dos estudantes não possui referenciais relativos às especificidades dos grupos étnico-raciais para se autoidentificar racialmente, e a escola não se constitui referência nesse processo para os estudantes.

Palavras-chave: Criança e adolescente; Escola; Política Pública; Questão étnico-racial.

 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.