RESISTÊNCIA E TRABALHO PROFISSIONAL EM SERVIÇO SOCIAL: REFLEXÕES SOBRE A EXPERIÊNCIA DOCENTE EM INSTITUIÇÕES PRIVADAS NO INTERIOR

CARLOS FELIPE NUNES MOREIRA, GISELE DAYANE MILANI

Resumo


RESUMO: Dividido em duas partes principais[1] organicamente relacionadas, o texto apoia-se no materialismo histórico-dialético ao problematizar genericamente a noção de “resistência” no trabalho profissional de assistentes sociais para, em seguida e sob as mesmas bases, apresentar breves reflexões a partir da experiência concreta na docência em Serviço Social em unidades de formação acadêmica privadas no interior do país. Buscamos, sinteticamente, articular uma dada compreensão não idealizada sobre os fundamentos político-profissionais do Serviço Social e como eles podem se materializar na relação pedagógica conduzida por assistentes social em sala de aula.

Palavras-chave: Serviço Social; Trabalho Profissional; Docência; Resistência.

 

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.