A DISPUTA DE CONCEPÇÕES EM TORNO DA AVALIAÇÃO DA DEFICIÊNCIA PARA AS POLÍTICAS SOCIAIS BRASILEIRAS

ANA PAULA DO NASCIMENTO BARROS

Resumo


 

Resumo: A concepção de deficiência assumida pelas políticas sociais determina seu conteúdo e abrangência. Assim, a avaliação sobre quem são os sujeitos que acessarão determinado direito social expressa tendências e perspectivas das políticas sociais a serem viabilizadas às pessoas com deficiência. Determinar deficiência e avaliá-la é resultado de disputas teóricas, metodológicas e interventivas expressas na correlação de forças entre diferentes áreas do saber as quais são reproduzidas pelas categorias profissionais em suas ações cotidianas. Nessa direção, o presente artigo reafirma a importância do processo em andamento de aprimoramento do instrumento de avaliação da deficiência para as políticas sociais.

Palavras-chave: política social; avaliação da deficiência; correção de forças; proteção social.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.