OS PERCURSOS DA ADOÇÃO INTERNACIONAL NA EUROPA: O CASO ITALIANO

GISELE CAROLINE RIBEIRO ANSELMO

Resumo


Resumo: A adoção internacional requer dos "participantes" um longo percurso, tantos os pais adotivos como as crianças adotadas. A presente comunicação pretende analisar os percursos que as famílias italianas fazem para realizar a adoção internacional de crianças e adolescentes. É parte do resultado de uma pesquisa qualitativa realizada para a construção da Tese de doutorado que objetivou analisar as políticas de adoção internacional na Europa (Itália, Espanha e França). O objetivo é tornar público os resultados da pesquisa, buscando promover a adoção internacional e dar visibilidade ao percurso desenvolvido pelas equipes multiprofissionais e as famílias adotivas nos países de acolhida.

Palavras-chave: Adoção Internacional; Famílias; Políticas Sociais; Crianças; adolescentes.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.