DESENVOLVIMENTO DE COMUNIDADE E A FORMAÇÃO PROFISSIONAL NO RIO GRANDE DO SUL (1950-1965)

GRAZIELA SCHEFFER, THAÍSA TEIXEIRA CLOSS, INEZ ROCHA ZACARIAS

Resumo


Resumo: O artigo discute a influência do ideário desenvolvimentista no Serviço Social gaúcho no período de 1945 a 1965, a partir da análise da formação profissional na escola de Serviço Social da PUCRS. Verifica-se a influência do desenvolvimentismo desde a criação da escola, intensificada nos anos 1950 e 1960, no contexto governo Leonel Brizola momento em que identifica-se duas tendências de Desenvolvimento de Comunidade: uma articulada pelo docente Seno Cornelly, marcada pela influência do pensamento da CEPAL; e as experiências vinculadas ao movimento de Cultura Popular, articuladas pelas docentes Lucia Castillo e Zilah Totta sob a influência da esquerda católica.

Palavras chaves: Fundamentos do Serviço Social; história; desenvolvimentismo.

 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.