DO EXECUTOR TERMINAL AO OPERADOR DE CRÉDITO A ATUAÇÃO DO ASSISTENTE SOCIAL NA LÓGICA DE MONETARIZAÇÃO DA POLÍTICA PÚBLICA ESTATAL

ARLENE VIEIRA TRINDADE

Resumo


Resumo: O objetivo, neste breve ensaio, é trazer algumas reflexões, acerca do serviço prestado por assistentes sociais na política de assistência estudantil da rede federal de ensino brasileira e as principais tendências que incidem sobre o trabalho coletivo nas políticas públicas na atualidade. Propomos uma discussão à luz do conceito de trabalho intelectual e, nesse sentido, observamos que existe uma tendência à mercantilização da atuação dos assistentes sociais inseridos na política assistência estudantil. Considerando que são trabalhadores intelectuais localizados na superestrutura, sofrem influência e determinações da lógica contemporânea de financeirização dos direitos sociais.

Palavras-chave: trabalho intelectual; financeirização das políticas sociais; tendência do trabalho coletivo


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.