O SERVIÇO SOCIAL NA POLÍTICA DE SAÚDE MENTAL E NA POLÍTICA SOBRE DROGAS NA ATUALIDADE

ROSA LÚCIA PRÉDES TRINDADE, MARCELA MARCELINO DE SOUSA ALVES, JISLAYNE FEITOSA DA SILVA, HELINE CAROLINE ELOI MOURA, RAFAELA GOMES CAVALCANTE MARQUES OLIVEIRA

Resumo


Resumo: Na busca de contribuições para o entendimento da inserção do Serviço Social em instituições que intervém sobre demandas sociais decorrentes de problemáticas relacionadas a saúde mental e/ou uso de álcool e outras drogas, discorremos sobre os desafios históricos postos entre a relação do modelo hospitalocêntrico e as propostas substitutivas, abertas e de base comunitária que percorrem o Serviço Social. Constatamos que a inserção do Serviço Social na saúde mental se dá ainda nos moldes do hospital psiquiátrico, mas se alarga com a criação do modelo substitutivo. Contudo, observa-se que há uma escassez da produção cientifica nesta área, inversamente proporcional ao crescimento da presença de assistentes sociais em serviços de saúde mental e/ou serviços direcionados às pessoas que fazem uso de álcool e outras drogas.

Palavras-chave: Saúde Mental; Serviço Social; Política sobre drogas.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.