FORMAÇÃO, INTERDISCIPLINARIDADE E INTERSETORIALIDADE NO CAMPO DA SAÚDE MENTAL: UMA CONSTRUÇÃO EM PROCESSO

LAÍNA JENNIFER CARVALHO ARAÚJO, EDNA MARIA GOULART JOAZEIRO

Resumo


Resumo: No estudo fizemos uma aproximação do processo de formação do assistente social e dos desafios postos para o aprendizado do trabalho profissional, tendo em vista a necessidade de coadunar os conhecimentos do corpus de saber da profissão, das diversas políticas públicas nas quais se insere e dos saberes oriundos das diversas profissões com as quais se relaciona no processo de produção do cuidado na Saúde Mental. Acresce-se a esses, o desafio de fortalecer a Saúde Mental mediante o fortalecimento da relação entre Atenção Básica e Atenção Especializada em Saúde Mental a partir do Matriciamento, da interdisciplinaridade e da intersetorialidade.

Palavras-chave: Formação; Serviço Social; Saúde Pública; Saúde Mental; Proteção social


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.