A “VIRADA” DO SERVIÇO SOCIAL BRASILEIRO, O NOVO PROJETO PROFISSIONAL E A CENTRALIDADE DA CATEGORIA PESQUISA NA FORMAÇÃO PROFISSIONAL

LOHANA LEMOS JANUÁRIO, INAÊ SOARES OLIVEIRA

Resumo


O presente artigo elucida uma aproximação teórica ao debate da pesquisa no Serviço Social a partir do aprofundamento à alguns elementos históricos, teórico e metodológicos que perpassam o Serviço Social brasileiro. O caminho metodológico traçado partiu de um estudo bibliográfico e documental sobre a temática. Neste sentido, foram utilizadas as contribuições de autores como Bourguignon (2005; 2007), Iamamoto (1997; 2012a; 2012b); Martinelli (2006) e Netto (2011a; 2011b), com fins de elucidar acerca do movimento de reconceituação do serviço social, a emergência do novo projeto de formação profissional e as balizas para a centralidade da pesquisa no Serviço Social.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.