AVALIAÇÃO DE RISCOS E PRIORIZAÇÃO DE FALHAS POR MEIO DO FMEA EM SERVIÇOS ELÉTRICOS DE BAIXA, MÉDIA E ALTA TENSÃO

Edivan Botelho Dias Júnior, André Luís de Oliveira Cavaignac

Resumo


A demanda por eletricidade vem crescendo exponencialmente. Os avanços tecnológicos, industriais e sociais vêm suprindo cada vez mais essa fonte de energia, fazendo assim com que ela seja essencial no cotidiano atual e é considerada como serviço público. Contudo a mesma apresenta inúmeros riscos aos servidores envolvidos, não afetando somente os trabalhadores mais os demais ao seu redor. Com base na premissa de analisar os possíveis riscos envolvidos, esta literatura apresenta um estudo baseado nos conceitos apresentados na NR-10, visando avaliar, quantificar e propor ações corretivas para os riscos envolvidos nos serviços elétricos de baixa, media e alta tensão por meio da utilização da ferramenta FMEA. Foi observado diversas inadequações com as NRs a serem seguidas, sendo a falta de utilização de EPI a mais comumente encontrada nos processos avaliados.

Palavras-chave


Segurança do trabalho; Serviço elétrico; riscos; FMEA.

Texto completo:

PDF

Referências


Cavaignac, A. L., & Uchoa, J. G. (2018). Obtaining FMEA’s indices for occupational safety in civil construction: a theoretical contribution. Brazilian Journal of Operations & Production Management, 558-565.

CBIC. (11 de Abril de 2019). PIB Brasil e Construção Civil. Acesso em 11 de Abril de 2019, disponível em Câmara Brasileira de Indúdria e Construção: http://www.cbicdados.com.br/menu/pib-e-investimento/pib-brasil-e-construcao-civil

Cunha, J. (2006). Norma Regulamentadora N o 10 Segurança em instalações e serviços em eletricidade Comentada.

de Lima Nogueira, Joyce Daiane, & Paiva, R. (2018). Tipologia dos acidentes elétricos no Brasil . Trabalho de Conclusão de Curso, Trabalho de Conclusão de Curso - Estácio do Rio Grande do Norte, Natal.

Diário do Aço. (2018). Mortes por choque elétrico aumentam no Brasil. Acesso em 2 de Abril de 2019, disponível em Diário do Aço: https://www.diariodoaco.com.br/noticia/0057186-mortes-por-choques-eletricos-aumentam-no-brasil

Fonseca, M. (2006). Metodologia FMEA e sua aplicação à construção de edificíos.

Lopes, H. (2012). Análise de Atendimento às Normas Regulamentadoras NR-10 e NR-18 em Canteiros de Obras com Relação aos Serviços de Eletricidade. Trabalho de Conclusão de Curso, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul.

Lourenço, H., & Lobão, E. (2008). Análise da Segurança do Trabalho em Serviços com Eletricidade sob a Ótica da Nova NR–10. Trabalho de Conclusão de Curso, Trabalho de Conclusão de Curso - Faculdade Dinâmica de Cataratas, Foz do Iguaçu.

Lourenço, S. R., Silva, T. A., & Filho, S. C. (2007). Um estudo sobre os efeitos da eletricidade no corpo humano sob a égide da saúde e segurança do trabalho. Exacta, 135-143.

Mattos, U., & Másculo, F. (2011). Higiene e Segurança do Trabalho. Rio de Janero: Elsevier Brasil.

Nogueira, D. (12 de 11 de 2017). Brasil gasta cada vez mais energia para crescimento da economia. Fonte: O Globo: https://oglobo.globo.com/economia/brasil-gasta-cada-vez-mais-energia-para-crescimento-da-economia-22060006

Roza Filho, O. (2014). Segurança do Trabalho em Atividades com Energia Elétrica: Um Estudo Baseado no Interpretação da Responsabilidade Jurídica na NR-10.

Silva, L. (2009). A Educação e a Segurança do Trabalho em Eletricidade Frente à Norma Regulamentadora NR-10. Dissertação, Dissertação (Dissertação em Políticas e Gestões Educacionais) - UMESP, São Bernardo do Campo.

Stamatis, D. (2003). Failure mode and effect analysis: FMEA from theory to execution. ASQ Quality press.

Vilela, R., Iguti, A., & Almeida, I. (2004). Culpa da vítima: um modelo para perpetuar a impunidade nos acidentes do trabalho. Cadernos de Saúde Pública, 20, pp. 570-579.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Brazilian Journal of Production Engineering - BJPE

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

 

                      Brazilian Journal of Production Engineering - BJPE (ISSN: 2447-5580)