ENFRENTAMENTO DA POBREZA, EXTINÇÃO DE DIREITOS E USUÁRIOS DAS POLÍTICAS PÚBLICAS: DESAFIOS PARA A POPULAÇÃO MORADORA DE RUA

Leda Regina de Barros Silva, Laura Alves Lima Ramos

Resumo


A população moradora de rua, enquanto fenômeno eminentemente urbano tem nos diversos territórios ocupados a experiência diária das contradições do aprofundamento das condições desiguais, historicamente, reiteradas pelo capital, pelo Estado e sociedade. Esses espaços, ao serem organizados para corresponderem aos processos de valorização do capital e a consequente mercantilização e apropriação da riqueza socialmente produzida, um dos resultados que se impõem é o aprofundamento dessas contradições, marcadas, sobretudo, pelo aumento cada vez mais expressivo do empobrecimento de trabalhadores e suas famílias, condições que se intensificam diariamente para as pessoas que migram e se instalam na rua.

 Palavras-chave: População moradora de rua; Desigualdades; Pobreza; Política pública


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.