“CHICAGO BOYS” E NEOLIBERALISMO LATINO AMERICANO: UMA ANÁLISE GRAMSCIANA

Salyanna de Souza Silva

Resumo


O presente artigo faz uma análise sobre a formação de intelectuais para disseminação do neoliberalismo. A partir de uma leitura histórico-dialética da realidade, pautando-se nas reflexões de Antonio Gramsci, realizamos uma pesquisa bibliográfica de obras de alguns dos teóricos neoliberais (Friedrich Hayek e Milton Friedman). O movimento histórico do desenvolvimento do neoliberalismo na América Latina demonstra a necessidade de utilização tanto de medidas autoritárias e ultra conservadoras, como da formação de grupos de intelectuais ligados a determinados setores universitários. Na América Latina, a partir da experiência da Ditadura do Chile, temos por exemplo os “Chicago Boys”, sua influência é também observada no atual governo conservador de Bolsonaro mediante sua equipe de governo.

Palavras-chave: neoliberalismo; intelectuais; Chicago Boys; América Latina.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.