ÂNCORA MEDICINAL: O MANUAL LUSO DO COMER BEM E COM SAÚDE

Mariana Costa Amorim

Resumo


A presente comunicação visa fazer um panorama geral sobre como Francisco da Fonseca Henriquez mostra o consumo de alimentos no período joanino do século XVIII português utilizando como fonte de análise a obra Âncora Medicinal – para conservar a vida com saúde (1731). Nela é possível constatar alimentos consumidos no período e as modificações alimentares da modernidade como a separação dos doces e salgados, a leveza e a dureza de cada alimento e, principalmente o consumo de bebidas tidas como exóticas, ao exemplo do café e do chocolate e como se relacionavam com a dietética. Como médico formado em Coimbra, prezava por considerar saberes da medicina medieval e não descartar certas modificações da era moderna. Assim, propõe-se explorar a união desses aspectos por Henriquez no livro, a junção do cuidado com a saúde do indivíduo e o prazer de comer, algo notório dentro do período moderno português.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Anais dos Encontros Internacionais UFES/PARIS-EST