TRAJETÓRIAS E INTERSEÇÕES: APROXIMAÇÕES ENTRE AS ELITES LOCAISCAPIXABAS E A CORTE JOANINA DURANTE NO GOVERNO DE FRANCISCO RUBIM (1812-1819)

Livia Maricio SCHEINER

Resumo


A historiografia acerca da experiência colonial no Brasil vem apontando, já há algum tempo, para a importância de se compreender as redes de poder e a reprodução das hierarquias sociais herdadas do Reino. Característica marcante do império colonial português, a descontinuidade espacial convivia, por outro lado, com a transferência de modelos jurídicos e administrativos da metrópole (HESPANHA, 1995: 9). Essa prática era sustentada pela frequente distribuição de cargos e ofícios a um conjunto de indivíduos que, em nome da Coroa, recebiam uma gama de privilégios e títulos, conformando, entre si, redes de poder e hierarquias pautadas nos valores de Antigo Regime.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Anais dos Encontros Internacionais UFES/PARIS-EST