Imigração alemã no Espírito Santo: cultura alimentar como signo identitário

Marcela Bourguignon Achiame

Resumo


Pretendemos discutir a imigração alemã tendo como norteador a cultura alimentar e suas influências em solo capixaba. A partir disso, analisaremos metodologicamente os conceitos de cultura e sua ressignificassão através do estabelecimento dos europeus no Espírito Santo.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Anais dos Encontros Internacionais UFES/PARIS-EST