Um conflito diplomático entre Argentina e Portugal em torno dos brasileiros asilados em 1894: um exercício de história cruzada

João Júlio Gomes Dos Santos Júnior

Resumo


Resumo: No início de abril de 1894, as chancelarias da Argentina e Portugal estiveram envolvidas em uma disputa diplomática que girou em torno de uma embarcação denominada Pepito Donato. O conflito se estabeleceu quando alguns brasileiros, que estavam asilados a bordo da corveta portuguesa Affonso d’Albuquerque, decidiram tentar escapar desta embarcação depois que seu pedido de desembarque em Buenos Aires foi negado pelo comandante e por demais autoridades diplomáticas portuguesas. Este grupo de brasileiros fazia parte dos 518 combatentes da Revolta da Armada que solicitaram asilo nas corvetas portuguesas Mindello e Affonso d’Albuquerque em 13 de março de 1894. A proposta deste artigo é chamar atenção para um episódio pouco conhecido na historiografia, mas que possui cruzamentos com o asilo que culminou com o rompimento diplomático entre Brasil e Portugal.

Palavras-chave


Palavras-chave: Asilo diplomático; Argentina e Portugal; História cruzada.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


      

       

Dimensões - Revista de Históra da Ufes é uma publicação eletrônica semestral do Programa de Pós-Graduação em História (PPGHis) e do Núcleo de Pesquisa e Informação Histórica (NPIH) da Universidade Federal do Espírito Santo. Para melhor visualização recomendamos a resolução mínima de 1280x1024.