A arte da apresentação do mundo: Schopenhauer e a estética da alegoria

André Luis Muniz Garcia

Resumo


A proposta do presente artigo é contextualizar, no pensamento de Schopenhauer, traços fundamentais de sua reflexão estética sobre a alegoria. Para tanto, o artigo foi desenvolvido segundo três linhas de argumentação: (i) interpretação da alegoria no âmbito de uma reflexão simbólica da teoria da representação; (ii) a relação entre poesia e alegoria no pensamento de Schopenhauer, com destaque para uma confrontação de sua posição tanto com o primeiro romantismo quanto com o idealismo alemão; (iii) compreensão da alegoria como elemento estético de uma retórica poética do engano.  


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Diadorim    Sumários    Livre    Redib    DOAJ  Capes Periódicos
  Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.