A falsa dicotomia entre teoria e prática

Autores

  • Henrique Wellen UFRJ
  • Ranieri Carli

DOI:

https://doi.org/10.22422/2238-1856.2010v10n20p113-135

Resumo

Analisa a relação entre teoria e prática no que concerne à atividade do assistente social. Tem como objeto tanto a falsa oposição entre ciência e política e suas consequências para o processo de trabalho dos assistentes sociais, quanto as correntes de pensamento que adotam esta oposição como um princípio filosófico. Analisa as teses do marxismo e do positivismo, assim como as suas posições diante de questões como a neutralidade, a prática política, a cientificidade do pensamento, e outros aspectos do problema.

Biografia do Autor

Henrique Wellen, UFRJ

Graduado em Administração de Empresas pela UFPB, Graduado em Administração Pública pela UFPB, Mestre em Administração (com habilitação em Gestão e Políticas Públicas) pela UFRN, Doutor em Serviço Social pela UFRJ, Professor adjunto da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Publicado

2012-08-15