ORALIDADE E ESCRITA: CONTRAPONTOS DA PALAVRA GUARANI

Autores

  • Marilda Moraes Garcia Bruno
  • Ilma Regina Castro Saramago de Souza

Resumo

Esse trabalho objetiva compreender e discutir as relações entre a oralidade e a escrita, enfatizando na palavra, conforme a perspectiva Guarani, os contrapontos entre ambas. Trata-se de uma pesquisa fundamentada nos Estudos Culturais, cuja inspiração é etnográfica. Os resultados da pesquisa apontam que, embora a oralidade seja um fenômeno questionado, o que se observa é que para os indígenas, em especial para os Guarani, é um elemento importante para a cultura, pois é através dela que os mais velhos transmitem os conhecimentos para os mais jovens. Aponta, ainda, que a escrita se expandiu significativamente a partir da implantação da educação escolar indígena, no entanto a palavra vai além da escrita, pois representa voz, origem, alma e vida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-07-05