O casamento nas leis, costumes e estilos portugueses

Autores

  • Alzira Lobo de Arruda Campos
  • Marcos Cardoso Gomes
  • Maria Helena Scalabrin Cardoso Gomes

DOI:

https://doi.org/10.23871/dimensoes-n37-14866

Resumo

O estudo do casamento em Portugal possui notáveis analogias com as normas e os comportamentos sociais sobre a mesma instituição vigente no Brasil. Do ponto de vista legal, Igreja e Coroa se uniam na política comum de aumentar a população, observando regras destinadas a conservar o statu quo social, posto em risco, se os indivíduos passassem a fazer escolhas de parceiros, ao arrepio da tábua social de valores. Por meio da legislação, mas também de documentos provindos da cultura popular, é possível conhecer o processo que levava as pessoas a se unirem conjugalmente a outras, suas iguais, sob as bênçãos de Deus e do Rei, em terras lusitanas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-12-31

Edição

Seção

Dossiê: Circularidade, identidades e imaginário político no Mundo Ibérico