O futuro anterior de Nietzsche

"Tornar-se o que se é" como tarefa filosófica em Ecce homo

Autores

  • Romano Scroccaro Zattoni Universidade Federal do Paraná

Resumo

Este artigo tem o objetivo de apresentar uma análise da fórmula nietzscheana “como tornar-se o que se é”, em seu estatuto como tarefa filosófica tal como descrita no parágrafo 9 do capítulo “Porque sou tão inteligente” de Ecce Homo (1888). Para isso, toma-se como chave de leitura o conceito de “futuro anterior”, desenvolvido a partir de uma interlocução com a narratologia e que tem como objetivo oferecer um tratamento teórico adequado à complexidade temporal da noção de tarefa em Nietzsche. Na primeira parte do texto, argumenta-se que o ato de “tornar-se o que se é” não pode ser tomado como objeto de uma intencionalidade racional, portanto não pode ser antecipado. Em seguida, desenvolve-se formalmente o conceito de “futuro anterior” e apresenta-se sua vantagem teórica. Por fim, realiza-se uma análise dos movimentos de prospecção e retrospecção presentes na relação entre discurso autobiográfico e tarefa filosófica futura no texto nietzschiano.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Romano Scroccaro Zattoni, Universidade Federal do Paraná

Doutorando em Filosofia na Universidade Federal do Paraná. Curitiba, PR, Brasil

Downloads

Publicado

2020-07-10

Edição

Seção

Artigos