Entre o ciberespaço e as ruas: expansões estético-políticas transviadas no trabalho do artista Rafucko

Autores

  • Carlos Guilherme Mace Altmayer PUC-Rio.
  • Denise Berruezo Portinari PUC-RJ

Resumo

Este artigo propõe algumas reflexões a partir da obra do vídeo artista, ativista e performer Rafucko e as formas como sua comunicação transita entre o ciberespaço e as ruas para tratar de questões urgentes como o regime de falsa tolerância à dissidentes sexuais, os novos contornos dos mecanismos de censura e invisibilização de transviados e o potencial de novas mídias como canais para ações estéticopolíticas transviadas no Brasil nos dias de hoje. Suas ações estéticopolíticas
se utilizam de potentes ferramentas de comunicação para criar espaços de denúncia e crítica a discursos, verdades construídas e violências com relação às pessoas que não se encaixam no modelo cis heteronormativo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Guilherme Mace Altmayer, PUC-Rio.

Doutorando em Design pela PUC-Rio.

Denise Berruezo Portinari, PUC-RJ

Doutora em Psicologia (Psicologia Clínica) pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e professora adjunta no Curso de Graduação em Design e no Programa de Pós-Graduação em Design da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

Downloads

Publicado

2016-08-10

Edição

Seção

ARTIGOS