DIREITOS HUMANOS E SERVIÇO SOCIAL: DEMANDAS E DESAFIOS CONTEMPORÂNEOS

Autores

  • Nivea Maria Santos Souto Maior Universidade Estadual da Paraíba (UEPB)
  • Milca Oliveira Clementino Universidade Estadual da Paraíba (UEPB)
  • Rosiane Oliveira da Costa Universidade Estadual da Paraíba (UEPB)
  • Sara Duarte Cordeiro Leal

DOI:

https://doi.org/10.22422/temporalis.2018v18n36p127-138

Resumo

O presente estudo sintetiza algumas reflexões sobre a relação entre direitos humanos e o serviço social. Nele objetivamos discorrer acerca dos direitos humanos na atualidade, tomando como pontos de análise o contexto de retirada de direitos advindos de um processo de avanço do neoliberalismo. Nessa conjuntura, se situa o trabalho profissional do/a assistente social, em um terreno movido por interesses contraditórios que impõe limites as respostas profissionais. Nesse sentido e tomando como base esses apontamentos introdutórios, desenvolvemos o estudo buscando apresentar, sinteticamente, o atual contexto de violação dos direitos humanos e as inflexões no exercício profissional do/a assistente social.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Nivea Maria Santos Souto Maior, Universidade Estadual da Paraíba (UEPB)

Mestranda em Serviço Social - PPGSS/UEPB. Pós-graduada em Direito do Trabalho e Direito Processual do Trabalho - Universidade Cândido Mendes/RJ. Possui graduação em Direito - Universidade Estadual da Paraíba (2005). Atualmente é proprietária - Vieira Souto Advogados Associados. Membro da Comissão da Advocacia Trabalhista - OAB Subseção Campina Grande/PB (triênio 2016/2018). Tem experiência na área de Direito, com ênfase em Direito do Trabalho e Direito Previdenciário.

Milca Oliveira Clementino, Universidade Estadual da Paraíba (UEPB)

Graduada em Serviço Social pela Universidade Estadual da Paraíba (2014), bolsista de iniciação Cientifica (PIBIC) cotas - 2011/2012 pesquisa intitulada: Gênero, Participação Política e Mulheres Jovens, 2012/2013 pesquisa intitulada: Participação Política Partidária, Juventude e Gênero e 2013/2014 pesquisa intitulada: Formação Profissional e Inserção no Mundo do Trabalho: Um Estudo Comparativo Acerca das Particularidades do Perfil dos (as) Discentes Trabalhadores dos Cursos Diurno e Noturno de Serviço Social da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) . Possui experiência de estágio no Serviço de Assistência Especializada em HIV/Aids e Hepatites Virais (SAE) do município de Campina Grande. Trabalhando e pesquisando nas linhas de Gênero; formação profissional; atuação profissional; Política Pública de saúde com ênfase na discussão do HIV/Aids. Atualmente está vinculada ao Programa de Pós - Graduação em Serviço Social da Universidade Estadual da Paraíba, na linha de pesquisa: Serviço Social, Estado, Trabalho e Políticas Sociais

Rosiane Oliveira da Costa, Universidade Estadual da Paraíba (UEPB)

Mestranda em Serviço Social pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). Especialista em Gestão Pública em Serviços de Saúde pela Faculdade Internacional Signorelli - FISIG (2016). Graduada em Serviço Social pela Universidade Estadual da Paraíba (2014). Experiência de estágio extracurricular no Centro de Atenção Psicossocial - álcool e outras drogas (CAPSad) no município de Campina Grande - PB. Pesquisando nas linhas de Drogas e Saúde Mental. 

Referências

ABRAMIDES, Beatriz. “A chama em meu peito ainda queima, saiba! Nada foi em vão”. Mesa dos Depoimentos Históricos. IN: Seminário Nacional 30 anos Congresso da Virada – 1979-2009 – “Começaria tudo outra vez se preciso fosse”. Brasília, CFESS, 2012.

________. Lutas Sociais e Desafios da Classe Trabalhadora: reafirmar o projeto profissional do Serviço Social brasileiro. IN: Serviço Social e Sociedade nº 129, pp. 366-386. São Paulo, Cortez, 2017.

BARROCO, Maria L; TERRA, Sylvia H. Código de Ética do/a Assistente Social comentado. São Paulo, Cortez, 2012.

BRASIL. Plano Diretor da Reforma do Aparelho do Estado. Câmara da Reforma do Estado, Brasília, 1995.

CASTELO, Rodrigo. O Social-Liberalismo: auge e crise da supremacia burguesa na era neoliberal. São Paulo, Expressão Popular, 2013.

CFESS. Sobre a incompatibilidade entre Graduação à Distância e Serviço Social. Vol. 1. Brasília, CFESS, 2011.

________. Sobre a incompatibilidade entre Graduação à Distância e Serviço Social. Vol. 2. Brasília, CFESS, 2014.

________. Carta de Brasília. 46º Encontro Nacional CFESS-CRESS. Brasília, 07 a 10 de setembro de 2017.

DURIGUETTO, Maria L. Movimentos Sociais e Serviço Social no Brasil pós anos 1990: desafios e perspectivas. IN: ABRAMIDES, M. e DURIGUETO, M. Movimentos Sociais e Serviço Social: uma relação necessária. São Paulo, Cortez, 2014.

GOMES, Cláudia M. Em Busca do Consenso: tendências contemporâneas do Serviço Social. Radicalidade democrática e afirmação de direitos. Rio de Janeiro, Lumen Juris, 2013.

GRANEMANN, Sara. Mesa Redonda “Desafios do Projeto Ético-Político”. IN: Seminário Nacional 30 anos Congresso da Virada – 1979-2009 – “Começaria tudo outra vez se preciso fosse”. Brasília, CFESS, 2012.

IAMAMOTO, Marilda V. O Serviço Social na contemporaneidade: trabalho formação profissional. 3. ed. São Paulo, Cortez, 2000.

MONTAÑO, Carlos. A natureza do Serviço Social. São Paulo, Cortez, 2007.

MOTA, Ana Elizabete; AMARAL, Ângela. Serviço Social brasileiro: cenários e perspectivas nos anos 2000. IN: MOTA, A. E; AMARAL, A (org.). Serviço Social Brasileiro nos anos 2000: cenários, pelejas e desafios. Recife, Editora UFPE, 2014.

MOTA, Ana Elizabete. Questão Social e Serviço Social: um debate necessário. IN: MOTA, Ana Elizabete (org). O Mito da Assistência Social: ensaios sobre Estado, política social e sociedade.4. ed. São Paulo, Cortez, 2010.

________. Serviço Social em Tempos de Capital Fetiche: capital financeiro, trabalho e questão social. 7. ed. São Paulo, Cortez, 2012.

________. Serviço Social brasileiro: insurgência intelectual e legado político. IN: OLIVEIRA e SILVA, Maria Liduina (org). Serviço Social no Brasil: histórias de resistências e de ruptura com o conservadorismo. São Paulo, Cortez, 2016.

NETTO, José P. Capitalismo Monopolista e Serviço Social. 8. ed. São Paulo, Cortez, 2011.

________. Cinco notas a propósito da “questão social”. IN: NETTO, José P. Capitalismo Monopolista e Serviço Social. 8. ed. São Paulo, Cortez, 2011.

________. Ditadura e Serviço Social: uma análise do Serviço Social no Brasil pós-64. 8. ed. São Paulo, Cortez, 2005.

________. A construção do Projeto Ético-político do Serviço Social. IN: Capacitação em Serviço Social e Política Social. Módulo I. Brasília, CFESS/ABEPSS/CEAD-UNB, 1999.

________. Para uma história nova do Serviço Social no Brasil. IN: OLIVEIRA e SILVA, Maria Liduina (org). Serviço Social no Brasil: histórias de resistências e de ruptura com o conservadorismo. São Paulo, Cortez, 2016.

RAMOS, Samya R; SANTOS, Silvana M. Projeto Profissional e Organização Política do Serviço Social brasileiro: IN: OLIVEIRA e SILVA, Maria Liduina (org). Serviço Social no Brasil: histórias de resistências e de ruptura com o conservadorismo. São Paulo, Cortez, 2016.

SANTOS, Silvana M. O CFESS na defesa das condições de trabalho e do projeto ético-político do Serviço Social. IN: Revista Serviço Social e Sociedade, nº 104. São Paulo, Cortez, 2010.

VASCONCELOS, Ana M. A/O Assistente Social na luta de Classes: projeto profissional e mediações teórico-práticas. São Paulo, Cortez, 2015.

Downloads

Publicado

2019-01-03