DIRETRIZES CURRICULARES E CULTURA: SOBRE FORMAÇÃO E PRÁTICA PROFISSIONAL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22422/temporalis.2020v20n40p64-76

Resumo

Este artigo intenciona apresentar algumas reflexões introdutórias sobre o estudo da cultura e sua relação com a formação e a prática profissional do Serviço Social. Resgatamos pontos centrais das Diretrizes Curriculares, com particular ênfase no que tange ao conjunto de saberes a serem contemplados no processo formativo de assistentes sociais, localizando de que modo uma compreensão crítica do processo histórico pressupõe considerar a questão cultural. Foi proposto pensá-la a partir do que nomeou Raymond Williams como Materialismo Cultural, onde, enquanto prática social, é constituída e constituinte simultaneamente do modo de produção e reprodução da  vida social. Ao final, tentamos elucidar algumas possibilidades centradas na prática profissional e em como a contemporaneidade requisita, com crescente complexidade, respostas que possuam qualificada apreensão da realidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-01-11