CONCEPÇÃO DE CIDADE NA OBRA DE CLÁSSICOS DA TEORIA SOCIAL

Autores

  • Gabriela Lema Icasuriaga Escola de Serviço Social - Universidade Federal do Rio de Janeiro
  • Maria Helena Rauta Ramos Professora aposentada da Escola de Serviço Social da UFRJ.

DOI:

https://doi.org/10.22422/2238-1856.2012v12n24p263-291

Resumo

Buscamos na teoria social clássica traços da gênese e desenvolvimento da cidade sob o modo de produção capitalista. Indicamos elementos, examinando diferentes perspectivas teóricas (Marx, Engels, Durkheim e Weber), que contribuem para a explicação e análise dos processos urbanos contemporâneos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gabriela Lema Icasuriaga, Escola de Serviço Social - Universidade Federal do Rio de Janeiro

Departamento de Política Social e Serviço Social Aplicado.

Área de concentração Políticas Urbanas e habitação.

Referências

BRUHNS, Hinnerk. “La ville bourgeoise et l’émergence du capitalism modern. Max Weber: Die Stadt (1913/1914-1921). In: La ville des sciences socials. Paris: Belin, 2001, p. 47-78.
CASTEL, Robert. As metamorfoses da questão social. Uma crônica do salário. Rio de Janeiro: Vozes, 1999.
COHN, Gabriel Cohn (org.). Sociologia: para ler os clássicos. Rio de Janeiro/São Paulo: LTC, 1977.
COLLIOT-THÉLÈNE, Catherine. Max Weber et l’ histoire. Paris: PUF, 1990.
______. “Des usages de Max Weber”. In.: La pensée. Max et Weber. Paris : n. 314, avril-mai-juin, 1998, p. 5-14.
DOMINGUES, José Maurício. “A cidade: racionalização e liberdade em Max Weber”. In. Souza, José (org.). A atualidade de Max Weber. Brasília: UnB, 2000.
DURKHEIM, Émile. Da divisão do trabalho social. São Paulo, Martins Fontes, 1999.
______. Sociologia e filosofia. Rio de Janeiro: Forense-Universitária, 1970.
______. As regras do método sociológico. 9ª ed. São Paulo: Cia Editora Nacional, 1978 (tradução de Maria Isaura Pereira de Queiroz).
______. Leçons de sociologie. Paris: PUF, 1950.
FREUND, Julien. Sociologia de Weber. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2000.
______. “La ville selon Max Weber”. In: Espaces et societé. Paris: nº 16, novembro de 1975.
GIDDENS, Anthony. Política, sociologia e teoria social. São Paulo: UNESP, 1997.
______. TURNER, Jonathan. Teoria Social Hoje. São Paulo: UNESP, 1996.
LEFEBVRE, Henri. A cidade do Capital. Rio de Janeiro: DP&A, 1999.
MARX, Karl. O capital: crítica da economia política. O processo de Produção do Capital. Livro I, vol. 1. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003ª.
______. O capital: crítica da economia política. O processo de Produção do Capital. Livro I, vol. 2. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003b.
______. O capital: crítica da economia política. O processo de Circulação do Capital. Livro II, vol. 3. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003c.
______. O capital: crítica da economia política. O processo global de produção capitalista. Livro Terceiro, vol. V. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2008ª.
______. O capital: crítica da economia política. O processo global de produção capitalista. Livro Terceiro, vol. VI. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2008b.
______. Manuscritos Econômico-Filosóficos.
RODRIGUES, José Albertino (org.). Émile Durkheim. São Paulo: Ed. Ática, 1998.
______. "Por que ler Durkheim hoje", Cultura, suplemento de O Estado de São Paulo (n° 54, 1981, p.6-7, São Paulo, 21/6/81).
SOUZA, José. “Prefácio”. In. Souza, José (org.). A atualidade de Max Weber. Brasília: UnB, 2000.

Downloads

Publicado

2012-11-04

Edição

Seção

Seção Temática