Violência contra a mulher no espaço midiático brasileiro

Autores

  • Maria de Fátima Jeronimo Marques Universidade Federal do Rio Grande do Norte
  • Eliana Costa Guerra Universidade Federal do Rio Grande do Norte

DOI:

https://doi.org/10.22422/temporalis.2017v17n33p167-192

Resumo

O presente artigo discute a abordagem midiática sobre a violência contra a mulher. Objetiva analisar o papel da mídia, em particular, da televisão, no processo de reprodução do sistema patriarcal, no âmbito da sociedade brasileira. A partir da perspectiva de análise crítica, abordamos as categorias gênero e patriarcado, buscando desvelar elementos que nos possibilitem apreender, de forma coerente, as determinações sócio-históricas que fundamentam as relações desiguais entre as categorias de sexos. O patriarcado, engendrado no tecido social pelos meios de produção e reprodução da vida, repercute e encontra, nos veículos de comunicação tradicionais, espaços propícios à sua perpetuação e manutenção, dando sustentação à manutenção das formas societárias dominantes, com sociabilidades que lhe são inerentes. O artigo foi produzido a partir de investigação realizada para elaboração de uma dissertação de mestrado, compreendo pesquisa bibliográfica, documental, análise de matérias publicadas em sites e exibidas em canais televisivos, além de entrevistas semiestruturadas. Romper com as concepções que responsabilizam as mulheres pela situação de violência a qual são submetidas constitui, assim, desafio maior, na perspectiva de contribuir as lutas pela liberdade e igualdade substantivas e pela emancipação humana.

Palavras-chave: Mídia. Patriarcado. Violência contra a mulher

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria de Fátima Jeronimo Marques, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Mestre em Serviço Social pelo Programa de Pós Graduação em Serviço Social - UFRN; Doutoranda no Programa de Pós Graduação em Educação - UFRN. Áreas de pesquisa: mídia (comunicação), gênero e violência contra a mulher, movimentos sociais.

Eliana Costa Guerra, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Eliana Costa Guerra, possui graduação em Serviço Social pela Universidade Estadual do Ceará (1987), mestrado em Urbanisme et Aménagement - Universidade de Paris VIII (1996) e doutorado em Sociologia - Universidade de Paris VIII (2003). Professora adjunta do Departamento de Serviço Social da Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Downloads

Publicado

2017-09-18